[]
[10 dicas que vão te ajudar com Análise e Desenvolvimento de Sistemas]

análise e desenvolvimento de sistemas O curso tecnólogo de Análise e Desenvolvimento de Sistemas forma profissionais com nível superior na área de tecnologia. Como as demandas da tecnologia da informação estão cada vez maiores no mundo, o curso possibilita uma entrada rápida no mercado de trabalho para os analistas de sistemas. Vamos mostrar algumas dicas que podem ajudar esses profissionais a alcançarem o sucesso, veja:
  1. Atualize-se. O mundo da tecnologia se renova muito rápido e é importante que o profissional sempre fique atento às novas linguagens de programação e ambientes de desenvolvimento de software, para não ficar para trás.
  2. Esteja interessado em análise e desenvolvimento de sistemas, e faça isso porque é divertido. Certifique-se de que ele continua sendo divertido o suficiente para que você esteja disposto a fazer isso nos próximos dez anos / 10.000 horas.
  3. Trabalhe em projetos com outras pessoas. Seja o melhor em alguns projetos e o pior em outros. Quando você é o melhor, você começa a testar suas habilidades para liderar um projeto, e para inspirar os outros com a sua visão.
  4. Quando você é o pior, você aprende o que os mestres fazem, e você aprende o que eles não gostam de fazer (porque eles fazem você fazer isso por eles).
  5. Aproveite o tempo do curso para adquirir todo o conhecimento necessário. Fazer um curso superior no Brasil é um privilégio e você deve aproveitá-lo.análise e desenvolvimento de sistemas
  6. Não existe essa de "nunca vou usar essa matéria e nem sei porquê tem no curso”. Mesmo que você ache que existe alguma matéria sem relação alguma com o que você irá usar na sua profissão, acredite: você vai precisar dela. Mesmo que indiretamente, você irá usar em algum momento da profissão.
  7. Crie uma base sólida em programação. Você precisa aprender a programar. Isso é fato. E esse conhecimento é adquirido, claro, na prática. Quanto mais horas você passar compilando, pesquisando soluções alternativas, obtendo mensagens de erro, refazendo, mais rápido você pegará o jeito da linguagem.
  8. Trabalhar em projetos após outras pessoas terem trabalhado neles. Compreenda um programa escrito por outra pessoa. Veja o que é preciso para entender e corrigir quando os idealizadores originais não estão ao redor.
  9. Converse com outros profissionais do ramo, leia sobre o assunto - isso é muito importante.
  10. Procure estagiar a partir do primeiro ano. Com isso, você evita ficar para trás quando chegar ao mercado de trabalho. Quanto mais cedo começar a estagiar, mais tempo terá para passar por vários setores e obter muito conhecimento.
  11. Saiba o idioma inglês. O mundo inteiro fala inglês, se você ainda não aceitou isso, é hora de aceitar. Você irá precisar ler conteúdos nesse idioma e sair do verbo “to be” para se dar bem no mercado de trabalho.

Gostou do artigo com 10 dicas que vão te ajudar com análise e desenvolvimento de sistemas?

Mande para seus amigos!