[]
[A Relação cliente e consumidor na Web 2.0]

A ex-aluna Márcia Tacla, do MBA em Marketing Digital da Faculdade Impacta, escreveu o artigo “A relação cliente e consumidor na Web 2.0”, que trata de maneira clara e objetiva a transformação que a relação entre empresas e pessoas tem passado nos últimos anos devido aos avanços da internet e as novas formas de se comunicar que ela proporciona. Confira o texto na íntegra. Nos últimos tempos a internet vem sofrendo mudanças muito importantes, que transformou a forma como as pessoas e empresas se relacionam. Com o surgimento da WEB 2.0, esta relação se estreitou e se tornou mais frágil, no sentido de que hoje o cliente tem voz, e consegue multiplicar e potencializar a sua opinião, firmando a necessidade de que as empresas sejam cada vez mais criteriosas na entrega de seus produtos, na forma como executam um serviço e, principalmente, como conduzem as tratativas com seus clientes. O consumidor nos dias de WEB 2.0 são, na verdade, os principais promotores das empresas, podem ser considerados o marketing efetivo dos produtos e serviços. Não são mais passivos que somente recebem informações, são geradores de conteúdo e de opinião. Até então, esta função era muito bem definida e ficava a cargo dos veículos de comunicação. Uma ferramenta clássica, utilizada com este propósito, são os blogs. Hoje existem diversas opções, inclusive, gratuitas, que torna possível qualquer usuário gerar o seu conteúdo, expressando sua opinião. O consumidor 2.0 está mais exigente e não se fideliza facilmente a uma marca, ele está disposto a novas experiências: se receber uma proposta mais atrativa, não terá problema algum em migrar para o concorrente. Portanto, é importante que as empresas estejam atentas a um novo formato de gestão do seu cliente. Entender e atender este novo perfil de consumidor, caso contrário, um deslize será fatal para o seu negócio. Neste ambiente, com a mesma facilidade que um consumidor encontra para compartilhar suas boas experiências, ele não medirá esforços para relatar as suas reclamações e gerar grupos de apoios fomentando na rede uma imagem negativa de empresa ou serviço. Este é só o início, em um meio em constante evolução. Estar preparado e saber se adaptar a cada mudança é fundamental para conseguir manter uma ótima relação comercial com seus consumidores, garantindo boa reputação na Web.   Referências DOMENEGHETTI, Daniel. Consumidores e Mídias sociais. Disponível em: <http://www.danieldomeneghetti.com.br/consumidor-e-rede-social/>. Acesso em 25 Abr.2017. JENKINS, Henry et al. Cultura da Conexão: criando valor e significado por meio da mídia propagável. 2.ed. São Paulo: Aleph Editora, 2014. 408 p. ALCANTARA, R.L.C.; MESCHGRAHW, R.P.; TOMAS, R.N. As redes sociais e o comportamento de compra do consumidor: O reinado do “boca a boca” está de volta? REMAR - Revista Brasileira de Marketing, São Paulo, v. 11, n. 2, p. 120-147, maio/ago.2012. Disponível em: <http://www.revistabrasileiramarketing.org/ojs-2.2.4/index.php/remark/article/viewArticle/2325>. Acessado em 26 Abr.2017.