Sobre o Curso

Entre as várias áreas da Engenharia, a de Telecomunicações talvez seja a que tenha competências e habilidades mais amplas, porque o mercado de telecomunicações cresce ao passo em que as novas tecnologias são implementadas. Com as indústrias cada vez mais tecnológicas e inovadoras, a mão de obra qualificada passa a ser uma exigência. 

Desta forma, o curso técnico de Telecomunicações da Faculdade Impacta prepara você para atender essa demanda a partir da capacitação profissional para desempenhar as atividades de planejamento, operação e manutenção em equipamentos de telefonia, redes de telecomunicações e transmissão e comunicação de dados com eficiência.

Técnico

Período:

Matutino | 08h00 às 11h40 |
Noturno | 19h00 às 22h40 |

Duração:

3 Semestres

Quanto vou investir no meu futuro?

*Este valor é referente à mensalidade e pode sofrer alterações a cada semestre. Condição para pagamento todo dia 5 de cada mês

Matriz curricular

  • 1º Semestre

    Matemática/Física
    Desenho Técnico
    Eletricidade
    Circuitos Elétricos
    Redes / Protocolos Industriais
    Cabeamento Estruturado
    Redação Técnica
    Lógica
    Inglês / Alemão Técnico

  • 2º Semestre

    Física
    Eletrônica Analógica
    Eletrônica Digital
    Amplificador Operacional
    Optoeletrônica
    Sensores / Transdutores
    Inglês / Alemão Técnico

  • 3º Semestre

    Transmissão
    Antenas & Satélite
    TV Digital
    Telefonia Celular
    VoIP
    Organização Empresarial/Empreendedorismo
    Inglês / Alemão Técnico

Coordenador

Karl Heinz Klauser

Coordenador(a) do curso de Telecomunicações

  • Natural de Lauchringen, na Alemanha, é Engenheiro Eletrônico e Engenheiro de Divulgação Tecnológica
  • Especialização em Componentes Eletrônicos, Telecomunicações e Mecatrônica
  • Coordenador técnico desde 2001 Colégio Impacta de Tecnologia da Informação 
  • Já ministrou cursos para grandes empresas Editora Abril, TV Globo, Embratel, Senai, Philips, Philco, GM, Ford, Volkswagen, Siemens, Telebrás, Petrobrás, Sabesp, Eletropaulo, Telesp e Texas Instruments

Mercado e Empregabilidade

O mercado de tecnologia é o que mais cresce a cada ano, e as telecomunicações e a computação são as principais motivadoras deste desenvolvimento. Logo, oportunidades não faltarão. 

O profissional técnico em Telecomunicações poderá atuar em empresas e entidades ligadas a projetos, produção, comercialização, instalação e manutenção de sistemas de telecomunicações, fabricantes de equipamentos de telecomunicações e seus parceiros, operadoras e empresas prestadoras de serviço.

Há ainda concursos públicos para profissionais técnicos em comunicação, o que significa que também poderá trabalhar em empresas do setor público.

Perfil do Aluno

O público-alvo do curso é composto por pessoas com raciocínio lógico. O aluno que ingressar no curso pode esperar por muita eletrônica, elétrica, banco de dados e programação. 

É importante que alunos formados no curso técnico de Telecomunicações busquem sempre fazer uma reciclagem sobre a área, pois a melhor preparação auxilia no ganho de experiência, o que pode também elevar o salário deste profissional.

Você precisa de mais informações? Preencha abaixo

Diferenciais do Curso

Elevada empregabilidade com perfil de capacitação.

Conteúdos e temas com atualização constante.

Laboratórios com material didático industrial real.

Docentes com larga experiência prática industrial.

Módulos para análise, estudo prático e simulação de defeitos.

Metodologia estruturada no Sistema Dual, modelo alemão de formação profissional.

Saiba mais sobre o curso de Telecomunicações neste infográfico.

Preencha as informações abaixo e faça o download do material

Perguntas Frequentes

A idade mínima é de 16 anos completos.

Todos os nossos cursos profissionalizantes têm os seus planos autorizados e homologados pela Diretoria Regional de cada unidade de Ensino. O MEC reconhece apenas cursos do Ensino Superior.

Sim, o aluno deverá estar cursando o 3.º ano do Ensino Médio

Sim, o estágio profissional é obrigatório. Você poderá iniciar o estágio somente após ter começado o curso e a carga horária exigida pela escola é de 100h, ou 6 meses se contratado pela empresa.

Não. A escola apenas auxilia indicando vagas em seus murais e realiza a coordenação/orientação para o processo.

Cadastrar o currículo nos sites do CIEE e NUBE. Havendo vagas para o seu perfil, os agentes de integração farão o convite via e-mail ou telefone.

CREA – Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia. É um Conselho que regula as profissões e supervisiona os profissionais atuantes, neste caso, os cursos técnicos em Eletrônica, Informática Industrial, Mecatrônica e Telecomunicações.

Solicitar na Secretaria Escolar o diploma e o histórico escolar. Consulte o site do CREA (www.creasp.org.br) e verifique os demais documentos solicitados.

 Clique aqui e fale conosco ou pelo telefone (11) 3254-8300

Nossos Parceiros